Ensinando arte plástica

A Terapeuta e Artista plástica voluntária Euza Beloti ensinando aos detentos participantes do Projeto Iluminar, novas técnicas de pintura, em peças de cerâmicas produzidas na Acuda. Fonte: ONG ACUDA


Leia mais

Oficinas de carros e de motos da Acuda

Foto das Oficinas de carros e de motos da Acuda adquirida através do patrocínio do Governo do Estado de Rondônia - SEJUS - Secretaria de Estado de Justiça. Esta aberta...


Leia mais
12

Mensagem do Presidente

A ACUDA  acredita que o Mundo não precisa de muito mais invenções para solucionar os seus problemas atuais, e sim que coloquemos mais Compaixão e Amor nas que já foram criadas, e fazer uma maior socialização destes  processos, permitindo que mais pessoas possam ter  acesso a elas, principalmente  nos presídios, que ficam a uma margem extrema de toda e qualquer sociedade, gerando um "bolsão de miséria intelecto moral" por falta de conhecimento e espiritualidade.

Localização

 Oportunizar aos detentos o conhecimento sobre si mesmo, podendo ter novas formas de agir e decidir sobre seu destino.
 Ressocialização Terapêutica de Presos.


Últimas Notícias

Há um ano atrás a ACUDA introduzia o Eneagrama dentro do Sistema Prisional de Rondônia

PORTO VELHO – O Sistema Prisional de Rondônia disponibiliza vários cursos voltados a ressocialização de apenados. Desta vez, 48 reeducandos da Penitenciária Estadual Ênio Pinheiro e do Centro de Ressocialização Vale do Guaporé participam do Curso de Eneagrama, oferecido pela Associação Cultural e de Desenvolvimento do Apenado e Egresso (Acuda).

O Eneagrama é usado como ferramenta de autoconhecimento: é aplicado ao estudo da personalidade, descreve detalhadamente o caráter humano e suas dinâmicas internas, utilizando nove maneiras básicas do ser humano pensar, sentir e se comportar no mundo. O estudo demonstra como se deu a formação do caráter do indivíduo na infância e como são fixadas as estratégias infantis, condicionadas e repetitivas, de padrões de comportamento que limitam o pleno desenvolvimento individual.

O curso conta com a participação de dois terapeutas da Escola Sat, de Belo Horizonte (MG), em parceria com a Secretaria de Estado de Justiça (Sejus), Conselho da Comunidade, Vara de Execuções Penais e Ministério Público de Rondônia. Os apenados receberão orientações voltadas à personalidade, baseados nos sete pecados capitais e quesitos como o medo e a vaidade.


Apenados recebem orientações voltadas à personalidade, baseados nos sete pecados capitais e quesitos como o medo e a vaidade.

De acordo com o secretário de Justiça, Fernando Oliveira, a Sejus oferece o suporte necessário para o desenvolvimento das atividades realizadas pela associação. “Sempre ajudamos e incentivamos projetos como esse, voltados à qualidade de vida dos reeducandos do nosso sistema prisional”, afirmou.

Atualmente, a Acuda oferece um programa que beneficia a comunidade carcerária, os egressos e familiares desses cidadãos. Além do curso de Eneagrama, os presos participam de oficinas de artesanato em marcenaria, cerâmica, tear, artes plásticas, reciclagem e hortifrutigranjeiros. São realizados, ainda, cursos de terapias complementares, como massoterapia ayurvédica, banho de argila, meditação, além de jogos lúdicos e artes cênicas.

Newsletter

FanPage